FILME: Rei Leão

O “Rei Leão” foi o filme arrasa-quarteirão da Disney no começo dos anos 90. Foi o filme de desenho animado mais assistido da história do cinema devido à sua trilha sonora, a computação gráfica encantadora que remete à savana africana; um filme com uma aceitação quase unânime tanto em relação à crítica especializada quanto aos espectadores comuns.

A nova versão do Rei Leão se manteve fiel à história original portanto é um presente para essa nova geração a qual não assistiu ao filme da década de 90 e traz uma memória afetiva aos mais velhos que relembraram da história original.

É um filme em que não tem como alguém não se envolver com a trama, seus dramas, aventuras, pitadas de humor (principalmente da dedicada ave Zazu) e lições de vida as quais nunca serão ultrapassadas se quisermos ter uma sociedade próspera.

Não contarei o enredo do filme mas darei alguns spoilers, portanto quem ainda não assistiu recomendo urgentemente assisti-lo pois é sem dúvidas daqueles filmes que você não pode passar dessa vida para outra sem o assistir. Destacarei alguns aspectos desse filme para reflexão:

Hierarquia

Uma das primeiras cenas do filme  e bastante emblemática é a cena onde o macaco Rafiki alça o pequeno Simba, filho de Mufasa, como apresentação para os seus súditos, todos os animais da selva e os mesmos abaixam suas frontes como sinal de reverência a uma autoridade.

Estar debaixo de uma autoridade, por mais que algumas pessoas possam discordar, é de suma importância para termos uma sociedade equilibrada.

O respeito a uma autoridade constituída e estar debaixo dessa liderança trazia bons frutos para o reino animal.

Mufasa reinava sobre os animais com justiça e isso trazia um reino equilibrado para toda a comunidade ali inserida. A quebra dessa autoridade traz perigo e desconforto, tal qual o que aconteceu com o pequeno Simba quando desobedeceu ao seu pai e deu ouvidos ao seu tio Scar para fazer uma visita ao cemitério dos elefantes, onde por muito pouco Simba e Nala, uma pequena leoa, quase foram devorados por hienas.

Outro aspecto da hierarquia é que para a manutenção da ordem é necessário a punição dos desobedientes das leis vigentes em um determinado local. É o que aconteceu com as hienas, por serem animais avessos à uma autoridade, foram punidas com o afastamento do convívio com os demais animais.

Mordomia

Uma cena onde Mufasa leva Simba para o alto de uma montanha mostra bem esse conceito:

Simba fala ao pai: Se você é o rei pode fazer tudo o que quiser

O pai responde sabiamente:O verdadeiro rei governa para a satisfação dos seus súditos”

A preocupação com os animais era a prioridade no reinado de Mufasa, como destaque dessa preocupação é uma cena onde a ave Zazu relata os acontecimentos do dia no reino animal para o leão como forma de mantê-lo atualizado com vistas a solucionar tais problemas.

Após o assassinato de Mufasa e o começo do reinado de Scar fica claro que o reinado passa somente a atender aos desejos e vontades do atual rei e das hienas e com isso vem a devastação e pobreza.

Hakuna Matata

Esse é o chavão dito pela divertida dupla Timão e Pumba na qual consiste em viver sem responsabilidades e não se preocupar com o dia de amanhã. Simba está traumatizado devido à morte do seu pai e esquece da sua responsabilidade como sucessor do reinado do seu pai.

Simba esqueceu quem ele era e qual a sua função no mundo. E sua negligência em estar numa terra estranha estava refletindo em sofrimento para a sua mãe e demais animais que habitavam em seu reino.

Ele esqueceu que todo leão nasceu para rugir e se houver negligência nessa função, todo o ciclo da vida do reino animal será afetado.

Simba pergunta a Rafiki: “Quem é você”? e o macaco responde: A pergunta é quem é você?”

O momento em que Simba fala com seu pai em uma espécie de epifania é o momento em que ele entende a sua função como rei.

Conclusão

É um filme sensacional, tanto quanto a primeira versão dele. As lições de liderança, respeito, obediência as autoridades constituídas é algo que devemos guardar em nossos corações.

A figura de Mufasa como líder e o respeito dos seus súditos por um rei justo é fantástico! Lembro do versículo de Provérbios 29:2 em que fala: Quando os justos governam, alegra-se o povo; mas quando o ímpio domina, o povo geme.

A trilha sonora, os personagens, o enredo fiel ao filme original são pontos muito positivos. Falhas pontuais na minha opinião são o fato da pouca exploração da veia cômica de Timão e Pumba e o fato das hienas no desenho estarem mais divertidas do que no filme, mas de nada diminui a grandeza desse filme. É super recomendado para todas as idades!

DANILO BRIANO

Instagram


+info: O REI LEÃO | Nacionalidade: EUA | Lançamento: julho de 2019 | Direção: Jon Favreau | Gênero: Aventura; Animação |Duração: 1h 58m

Trailer: https://youtu.be/J57HnR6FPW0

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s