Posts de Kelly Oliveira Barbosa

Uma pecadora alcançada pela Graça de Deus em Jesus Cristo. "Concede-me o que me ordenas e ordena-me o que quiseres" (Agostinho)

Resenha livro: Frida Vingren de Isael de Araujo

Frida Vingren viveu entre 1891 e 1940, era sueca, filha do casal luterano Jonas Strandberg e Kristina Margareta Sundelin. Seu nome foi inspirado na palavra nórdica frior, que significa “paz”. Desde muito nova se sentia inclinada a chamada missionária e logo que possível começou a preparar-se para tal. Ela fequentou cursos bíblicos, cursou enfermagem durante quase dois anos e meio – chegando a atuar como chefe da seção de enfermaria no Hospital Sabbatsbergs –, dedicando-se ainda à arte fotográfica.

Continue reading →

Sobre esses dias de quarentena

Que clima tenso! Hoje faz sete dias que não saio de casa. Por algumas razões tive de me recolher alguns dias antes da questão do coronavírus explodir em Belo Horizonte, e agora, a cada dia que passa, as coisas se agravam, de maneira que o isolamento é uma realidade e necessidade.

Continue reading →

Trechos de: Sara e Suas Filhas, de C.H.Spurgeon

“Talvez Abraão não houvesse sido tudo o que Abraão foi se Sara não fosse tudo o que Sara era.”

Continue reading →

eu no chão

Jamais, jamais imaginaria há um ano atrás, como minha vida estaria agora.

Chorei, chorei demais, por um momento tudo estava perdido.

Por um momento, tudo no chão, eu no chão, ajoelhada, prostrada diante de ti fonte da minha vida.

Continue reading →

Nada que perdemos se vai sem propósito

Nada que perdemos se vai sem propósito. Toda dor e perda é planejada e usada para o bem daqueles que amam a Deus, e no fim nos faz mais parecidas com Cristo.

Do livro: 21 Dias Com Minha Amiga Elisabeth, de Francine V. Walsh. Ministério Graça em Flor, 2017, 71p.