Jó foi tentado a amaldiçoar a Deus e morrer…

“Jó foi tentado a amaldiçoar a Deus e morrer. Isaías estava desfeito. Davi estava abatido. Elias pediu a Deus que tirasse a sua vida. Esses homens não eram fracos ou rebeldes; estavam simplesmente carregando o peso da vida e do ministério. Mesmo Jesus passou por uma noite escura da alma, quando perguntou se não havia alternativa à cruz, e uma tarde de grande agonia em que se sentiu desamparado pelo Pai. Tudo isso me leva a aceitar as estações de dúvida, desânimo e depressão como parte normal da vida em um mundo caído. Quando vêm as aflições, isso não quer dizer que eu sou um mau cristão, nem que Deus esteja contra mim, embora algumas vezes eu me sinta assim. Em meu tempo de tribulação, foi de imensa ajuda saber que o problema pelo qual passava acontece com a maioria dos filhos amados de Deus.”

Do livro: RYKEN, Philip. Quando os problemas apararem. Editora Fiel, 2018, 196p.

Um mediador entre nós

“Deus não é ser humano, como eu; não posso discutir com ele nem levá-lo ao tribunal. Se ao menos houvesse um mediador entre nós, alguém que nos aproximasse um do outro! [impusesse as mãos sobre nós dois]. Ele afastaria de mim o castigo de Deus, e eu já não viveria aterrorizado. Então falaria com ele sem medo, mas, sozinho, não consigo fazê-lo.” (Jó 9:32-35 NVT)
Continuar lendo “Um mediador entre nós”